EUA e Índia fazem exercício naval conjunto em meio a tensão com a China

Manobra demonstraria compromisso por uma cooperação naval mais forte entre os dois países
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

As marinhas dos Estados Unidos e da Índia realizaram um exercício conjunto no Oceano Índico nesta segunda (20). Trata-se de sinalização de uma crescente cooperação estratégica entre Washington e Nova Délhi, ambos em momento tenso das relações com a China.

De acordo com portal VOA News, da Voz da América, o exercício ocorreu ao redor das ilhas indianas de Andaman e Nicobar. As ilhas, próximas ao Estreito de Malaca, ficam em uma das rotas marítimas mais movimentadas do mundo.

A Índia se referiu a ação como um “exercício de passagem”, quando um navio de guerra se junta a outro.

EUA e Índia fazem exercício conjunto em meio a aumento de tensão com a China
Porta-aviões USS Nimitz (Foto: Marinha dos EUA/Flickr)

O secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, afirmou que a manobra demostra o compromisso com uma “cooperação naval mais forte e apoiada por um Indo-Pacífico livre e aberto”.

A demonstração envolveu o porta-aviões USS Nimitz, que também esteve no exercício militar promovido pelos EUA no Mar da China Meridional no início deste mês. A embarcação foi usada após manobra semelhante, realizada pelos chineses.

A região é palco de impasses entre Beijing e Washington. Enquanto a China busca maior influência na região, os EUA dizem defender que o Mar da China Meridional deve ser uma região livre e aberta.

Já as tensões entre Índia e China se agravam diante do confronto sobre a disputa de fronteira no Himalaia. Na última ação, em meados de junho, 20 soldados indianos morreram.

Tags: