México publica novas regras para regular mercado legal de cannabis

Autoridades de saúde mexicanas estudam regulamentação do que seria o maior mercado de maconha no mundo
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

O Ministério de Saúde do México publicou nesta quarta-feira (13) uma série de regras para regular o uso de cannabis medicinal. O movimento é um passo importante para a criação do maior mercado de maconha do mundo.

O regulamento assinado pelo presidente mexicano Andrés Manuel López Obrador concede permissão para que companhias farmacêuticas façam pesquisas médicas com derivados da cannabis.

Um órgão estatal regulará as concessões. A reforma ainda prevê o uso recreativo da maconha. O objetivo é enfraquecer os cartéis de drogas após décadas de violência.

México publica novas regras e aproxima criação de mercado legal de cannabis
Plantação de cannabis para uso recreativo no estado do Oregon, EUA, em agosto de 2017 (Foto: Oregon Department of Agriculture)

O governo destaca as condições para a semeadura, cultivo e colheita de maconha para fins medicinais. Com o dispositivo, empresas poderiam cultivar a cannabis legalmente em solo mexicano, medida que já chamou atenção de empresas estrangeiras.

Conforme apurou a Al-Jazeera, os legisladores mexicanos já estão nos estágios finais para a legalização do uso recreativo da maconha. A previsão é que o Parlamento vote um projeto de lei ainda no primeiro semestre.

O consumo de maconha é um tema de discussão recorrente no México. Em 2018, a Suprema Corte decidiu que o país deveria autorizar o consumo recreativo da cannabis. O uso para fins medicinais é permitido desde 2017.

Tags: