Após protestos, Índia retoma serviço de trens nas grandes cidades

Retorno acontece após maior registro de casos de coronavírus, que chegou a 4,2 mil no domingo, desde início da crise
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

A Índia anunciou nesta segunda (11) que irá reabrir parte de seu sistema ferroviário de passageiros, com trens circulando entre as grandes cidades. A decisão acontece mesmo após registro de 4,2 mil casos do novo coronavírus no domingo, o maior aumento em 24 horas desde o início da crise.

Os trens devem voltar a circular, em número reduzido, a partir de terça. O ministério responsável pelo sistema ferroviário informou que irá retomar o serviço com 15 trens. As informações são da Reuters.

A princípio, serão restabelecidas as conexões da capital, Nova Délhi, com grandes cidades como Mumbai, Chennai e Bangalore.

Após protestos, Índia retoma serviço de trens nas grandes cidades
Passageiros de trem em Kolkata, na Índia (Foto: UN Photo)

A reabertura, embora limitada, vem na esteira de protestos contra o lockdown proposto pelo governo do primeiro-ministro Narendra Modi. Após sucessivos adiamentos, o lockdown indiano está previsto para durar até pelo menos o próximo domingo (17).

Cerca de 1/5 dos casos do coronavírus na Índia têm origem nas metrópoles indianas, altamente populosas, como Délhi, Mumbai e Pune. Há cerca de 67 mil infectados no país. Já são 2,2 mil mortos no país.

A Índia vem ampliando o número de testes para a população. A testagem em maior escala estaria por trás do aumento pronunciado dos casos, segundo ministros do governo.

Tags: