Sob sanções, Venezuela recebe ministro de Relações Exteriores da Turquia

Nicolás Maduro tem procurado em parceiros como turcos e russos recursos para financiar regime após sanções
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

O ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu, esteve na terça (18) em Caracas, capital da Venezuela, para encontro com o presidente, Nicolás Maduro.

O país tem sido um dos principais apoiadores do regime nos últimos meses, e aprofundou os laços, após as sanções norte-americanas no setor de petróleo, que já duram 18 meses.

Ancara entregou equipamento médico e testes rápidos para detecção da Covid, reportou a Reuters. A Turquia exporta produtos para um programa estatal de distribuição de alimentos e compra o ouro do país sul-americano.

Ilhada, Venezuela recebe ajuda da Turquia para combater pandemia
Encontro entre o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e o chanceler da Turquia, Mevlut Cavusoglu em Caracas, Venezuela (Foto: Twitter/Nicolás Maduro)

“Nem sanções, nem bloqueio, nem qualquer tipo de situação nos impedirão de aprofundar nossas relações econômicas e comerciais”, disse o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza, na televisão estatal após a reunião.

Além da Turquia, a Venezuela também reforçou recentemente o seu alinhamento com a Rússia. No final de julho, o Kremlin autorizou um empréstimo de US$ 4 bilhões (R$ 22 bilhões) ao país.

O Irã também tem feito negócios com os venezuelanos. Em junho, abriu a primeira unidade de uma rede de supermercados em Caracas. Também tornou-se comprador do petróleo venezuelano, levado para refino no Oriente Médio.

No dia 4 de agosto, um relatório da ONU (Organização das Nações Unidas) apontou um possível acordo da Venezuela com a Coreia do Norte.

Os responsáveis pela investigação já alertaram Caracas de uma possível violação das resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Tags: