Vietnã registra 20 mortes em menos de 15 dias depois de ter “extinguido” Covid-19

População chegou a comemorar 100 dias sem nenhum contágio; governo investiga como vírus pode ter retornado ao Vietnã
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

O Vietnã deixou de fazer parte da pequena lista de países sem óbitos causados pela Covid-19. Desde o dia 31 de julho, 20 mortes foram registradas no país.

A população chegou a comemorar 100 dias sem nenhuma contaminação pelo vírus, que retornou no final do mês passado.

Vietnã registra 20 mortes em menos de 15 dias depois de ter "extinguido" Covid-19
Trabalhadores da saúde na província de Bac Lieu, ao sul do Vietnã (Foto: Thuy Dung/Governo do Vietnã)

No dia 29, a rede de radiodifusão Voice Of America mostrou que 30 novos casos haviam sido registrados na cidade costeira de Danang, região central do país.

Na reportagem, moradores questionaram o que poderia ter motivado o retorno do vírus após três meses, já que nenhum dos contaminados viajou no período. A cidade já contabiliza 16 mortes.

Desde o início do ano, o governo vietnamita isolou pacientes, cancelou voos internacionais e ordenou o distanciamento social. “Mas você só precisa de um parafuso solto para que toda máquina seja afetada”, disse o vice-primeiro-ministro, Vu Duc Dam.

Força de contenção

Nos 100 dias sem registro do vírus no país, a população voltou às ruas normalmente, acreditando estar livre da pandemia.

Na última quarta-feira (5), o ministro da Saúde, Nguyen Thanh Long, falou à mídia estatal que o contágio se espalhou para a província de Bac Giang, próxima a fronteira do país com a China.

De acordo com a Reuters, a imprensa vietnamita ligou a segunda onda do surto à imigração ilegal.

O vice-premiê Vu Du Dam, que lidera o combate a Covid-19, encarregou o Ministério da Segurança a direcionar as forças policiais para inspecionar e multar os estrangeiros que entram no Vietnã ilegalmente.

Ele ainda afirmou, na terça (11), que os raros estrangeiros autorizados a entrar no país devem ser colocados em quarentena imediatamente.

Vietnã registra 20 mortes em menos de 15 dias depois de ter "extinguido" Covid-19
O vice-primeiro-ministro, Vu Duc Dam, expõe as novas medidas de segurança do Vietnã na capital, Hanói, no dia 11 de agosto de 2020 (Foto: VGP)

Covid-19 ainda é mistério

O Vietnã ainda tenta entender que caminho o vírus pode ter feito até retornar ao país. Mas sabe-se pouco sobre o comportamento do vírus.

Em todo o mundo, o conhecimento sobre o novo coronavírus evolui a medida que as autoridades de saúde coletam dados. Ninguém sabe ao certo como se dá o contágio e a interação do microorganismo no corpo.

O Vietnã, que era uma das poucas economias com previsão de crescimento em 2020, agora espera contração. Com o início do registro de mortes e medidas de segurança ainda mais robustas, é difícil prever qual será o impacto da segunda onda do vírus no país.

Tags: