Oriente Médio

Chefe da inteligência do Taleban é capturado no Afeganistão

Líder é suspeito de planejar ataques e identificar alvos do Taleban; prisão reforça disputa entre grupo militante e Cabul

O Exército do Afeganistão capturou o chefe da inteligência do Taleban nesta segunda-feira (29), de acordo com informações da agência de notícias afegã Khaama. O líder estava em uma célula no distrito de Shirzad, na província de Nangarhar, leste do país.

Shafiqullah, como é chamado, foi preso com outros dois suspeitos. O suposto chefe seria responsável por planejar ataques e identificar alvos do Taleban. Além dele, o Ministério da Defesa afegão anunciou a morte de outros 12 militantes, incluindo um comandante, no distrito de Arghandab, em Kandahar, nesta terça-feira (30).

A operação integra o esforço do governo afegão contra as forças talibãs em meio à crescente violência e as tentativas de cessar-fogo no país.

Chefe da inteligência do Taleban é capturado no Afeganistão
O chefe da inteligência do Afeganistão, Shafiqullah, em local e data desconhecidos (Foto: Reprodução/Ministry of Defense Afghanistan)

Na operação conjunta que prendeu Shafiqullah, as forças afegãs mataram dez insurgentes do Taleban ao evitar a explosão de um carro-bomba no sul da província de Kandahar. O veículo estava carregado de explosivos e foi destruído antes que pudesse atingir seu alvo, disseram as autoridades.

Desde o último domingo (28), soldados realizaram operações de segurança nos distritos de Arghandab, Panjwai e Maiwand, ao sul do país. O Ministério da Defesa disse ter desarmado 70 minas terrestres implantadas pelos militantes em estradas da província.

A violência aumentou no Afeganistão desde a assinatura de um acordo de paz entre o Taleban e os EUA, em fevereiro de 2020. Para o governo afegão, os talibãs buscam gerar insegurança no país e, assim, pleitear vantagens nas negociações do acordo de paz.