Na Índia, cidadãos terão identidade digital única para sistema de saúde

Identidade terá registro de todas consultas, diagnósticos e medicamentos recebidos pelos indianos
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Em meio a pandemia, o premiê da Índia Narendra Modi anunciou, no dia 15, a “Health ID”, uma identidade digital capaz de reunir todos os dados relacionados a saúde da população indiana ao longo da vida.

Cada cidadão deverá ter uma identidade exclusiva com seus registros de saúde digitalizados e histórico de cada consulta médica, exame e local de atendimento.

O documento ainda terá detalhes dos diagnósticos, laudos, medicamentos e um banco de dados próprio de cada paciente. Os dados poderão ser acessados em todo o país, informou o site de notícias indiano “The Quint“.

Na Índia, cidadãos terão identidade digital única para sistema de saúde
Enfermeira durante atendimento em hospital da cidade de Byatarayanapura, na Índia (Foto: Flickr/Harsha K. R.)

O lançamento é parte do programa de plano de saúde da Índia, Ayushman Bharat, inspirado em parte no SUS (Sistema Único de Saúde) do Brasil.

A diferença é que a plataforma indiana prevê um pagamento mínimo anual e é reservado à população mais vulnerável – e não universal, como o brasileiro.

Em primeiro momento, médicos e hospitais não serão obrigados a inserir as informações no aplicativo, que funcionará exclusivamente em aparelhos móveis. A inscrição dos cidadãos também é voluntária, disse Modi.

O objetivo do programa é melhorar a saúde da Índia, considerada bastante precária. O país possui 1,34 médicos para cada mil pessoas. Em países desenvolvidos, a média é de 3,5 profissionais a cada mil habitantes.

Tags: