Países condenam conversão de Hagia Sophia, em Istambul, em mesquita

Decisão foi anunciada pelo presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, na última sexta (10)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

A Hagia Sophia, monumento histórico a capital turca Istambul, foi convertida em uma mesquita na última sexta (10), sob queixas da comunidade internacional.

O primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis, condenou a decisão como uma afronta ao caráter ecumênico de Hagia Sophia. Segundo a AP, a decisão ameaça aprofundar as tensões com a Grécia.

Outros países manifestaram críticas à decisão, como o Chipre, que tem parte do seu território ocupado pelos turcos, e a Rússia. Os Estados Unidos também já haviam se declarado contra a mudança no status.

A mudança acontece após uma alta corte do país anular a decisão de 1934 que transformava o monumento histórico em um museu. Horas depois, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan abriu o local para culto, segundo a Associated Press.

hagia sophia
Basílica Hagia Sophia, em Istambul, na Turquia (Foto: Pexels)

Dentro do próprio país, há divisão em relação à conversão. Enquanto grupos nacionalistas e conservadores da Turquia há muito tempo desejam realizar orações na Hagia Sophia, outros acreditam que o monumento deve permanecer um museu.

O presidente turco foi à televisão anunciar que as primeiras orações dentro da Hagia Sophia devem acontecer em 24 de julho. Erdogan rejeitou a ideia de que a decisão acabaria com o status do monumento como uma estrutura ecumênica.

Unesco

Hagia Sophia é um Patrimônio Mundial da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). A agência da ONU lamentou a decisão tomada “sem discussão prévia”.

Para a diretora-geral da Unesco, Audrey Azoulay, “o status como museu reflete a natureza universal de seu patrimônio e o torna um símbolo poderoso para o diálogo“.

Antes da decisão, a organização havia pedido diálogo com as autoridades. Por estar inscrita como patrimônio mundial, há uma série de obrigações legais a serem seguidas pelo Estado.

A Unesco solicitou que as autoridades turcas iniciem um diálogo para evitar um efeito “prejudicial sobre o valor universal do patrimônio”.

História

Construída pelo Império Bizantino, a Hagia Sophia foi a sede da principal igreja ortodoxa oriental durante séculos. Foi transformada em uma mesquita após a conquista otomana de Constantinopla, hoje Istambul.

Ataturk, considerado o pai da Turquia moderna, foi quem concedeu o status de museu ao monumento. Secular, o governante foi o responsável por mudanças profundas na sociedade turca, incluindo uma maior abertura ao ocidente.

Muçulmano devoto, Erdogan tem usado com frequência a questão da Hagia Sophia para atrair apoio para o seu partido, de raízes islâmicas.

Tags: